Download ☆ Contos Exemplares By Sophia de Mello Breyner Andresen – Rvtrek.info

Contos Exemplares Contos Exemplares O Nome De Uma Colect Nea De Contos De Sophia De Mello Breyner Andresen O Seu Nome Faz Uma Refer Ncia Directa, Expl Cita Numa Cita O No In Cio Do Livro, S Novelas Exemplares De Miguel De Cervantes Lhes Dado O Nome De Exemplares, E Se Virdes Bem, N O H Nenhum Do Qual N O Se Possa Retirar Um Exemplo Com Um Pref Cio P Rtico De Ant Nio Ferreira Gomes, Inclui Os Seguintes Contos O Jantar Do BispoA ViagemRetrato De M NicaPraiaHomeroO HomemOs Tr S Reis Do OrienteGasparMelchiorBaltasar


About the Author: Sophia de Mello Breyner Andresen

SOPHIA DE MELLO BREYNER ANDERSEN nasceu no Porto, a 6 de Novembro de 1919 Entre 1936 e 1939 frequentou o curso de Filologia Cl ssica na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, que n o concluiu Foi Presidente da Assembleia Geral da Associa o Portuguesa de Escritores e deputada Assembleia Constituinte 1975 A sua obra reparte se pela fic o e pela poesia, embora seja nesta ltima que a sua inspira o cl ssica d ao seu verso uma dimens o solar e luminosa, que permite ouvir nitidamente a palavra com todo o peso da sua musicalidade limpa, ao encontro do modelo cl ssico Entre as suas obras po ticas contam se Coral 1950 , Mar Novo 1958 , Livro Sexto 1962 , Geografia 1967 , Navega es 1983 , Ilhas 1989 , Musa 1994 e O B zio de C s e Outros Poemas 1997 Em fic o publicou Contos Exemplares 1962 e Hist rias da Terra e do Mar 1983 Da sua literatura infantil destacam se O Rapaz de Bronze 1956 , A Menina do Mar 1958 , A Fada Oriana 1958 , O Cavaleiro da Dinamarca 1964 e A Floresta 1968 Em 1999 lhe atribu do o Pr mio Cam es, pelo conjunto da sua obra, e em 2001 ganha o Pr mio Max Jacob de Poesia Foi condecorada pela Presid ncia da Rep blica com a Gr Cruz da Ordem de Sant Iago da Espada, em 1998 Faleceu em Lisboa, a 2 de Julho de 2004.



10 thoughts on “Contos Exemplares

  1. says:

    Segundo concep es arcaicas, o ser humano ter sido concebido a partir do barro, imagem de Deus es O molde para garantir a sua forma Porventura, as circunst ncias que limam arestas, corrigem imperfei es podendo garantir outras e nos mudam para o bem e para o mal Entre meandros que a circundaram, Sophia sorveu a inspira o p


  2. says:

    Al m de um poema ou outro, com que me cruzei nos meus passeios pela Internet, nunca tinha lido Sophia de Mello Breyner Andresen Nem me ocorria ler Mas, no final da introdu o da Odisseia, Frederico Louren o coloca um excerto de um conto Homero de Sophia que define de modo inultrapass vel a poesia da OdisseiaE l foi a desequilibrad


  3. says:

    Sinto que vou quase escrever uma heresia, mas a verdade que n o gostei muito deste livro E gostei sempre de todos os livros contos que li da autora Estes n o me marcaram de nenhuma forma, nem extra deles grandes li es


  4. says:

    Em todos os contos Sophia demonstra o seu amor poesia Mas o conto Homero onde se encontra mais presente B zio uma figura misteriosa que cria musica, poesia e arte A sociedade o v como um vagabundo, mas a narrador o observa maravilhada o comparando com o pr prio mar No Jantar do bispo Sophia critica a sociedade materialista No conto A viagem real a


  5. says:

    Fiquei rendido ao conto de abertura, O jantar do bispo , e ao conto que finaliza o livro, Os tr s reis do oriente.N o adorei os restantes por diversos motivos Com excep o das obras obrigat rias do ensino b sico preparat rio, esta foi a primeira obra de Sophia para mim e, provavelmente, o grande motivo para n o ter guardado os outros contos como ficaram res


  6. says:

    3.5 4 Optei por ler este livro de forma diferente Li um conto por dia ao pequeno almo o e fui tomando as minhas notas, deixando a hist ria assentar em mim Tamb m optei por n o ler o pref cio, porque aconselharam me a n o o fazer Penso que o mesmo n o vai acrescentar nada leitura e s a vai desmotivar, pelas opini es que ouvi No geral, gostei, uns contos mais do que


  7. says:

    Iniciei com este livro de contos a minha viagem pelos contos de Sophia N o me encantei Gostei, mas n o me arrebatou Se procuram um final concreto nos contos dificilmente o v o encontrar neste livro Destaco os dois contos que gostei bastante, o Jantar do Bispo e o A viagem Gosto tanto da poesia de Sophia, tenho pena que n o tenha gostado mais destes contos.


  8. says:

    Este livro revelou se ser quase tudo aquilo que eu esperava que fosse Foi para mim uma leitura maravilhosa pois estes contos s o quase como pequenas obras de arte A escrita, irrepreens vel, marcadamente nica, num estilo que combina simplicidade e beleza de uma forma rara Os textos s o constru dos na sua maioria por frases curtas e simples, mas onde as palavras brincam e se arranjam


  9. says:

    Os Contos Exemplares de Sophia s o realmente exemplares um cuidado lingu stico com a escrita a toda a prova conjuntamente com aquela colora o imaginativa caracter stica da autora As hist rias tomam lugar no universo liter rio da escritora, patente em toda a sua obra, s o bem ritmadas e t m cad ncias absolutamente perfeitas.


  10. says:

    Os melhores contos da melhor escritora e das maiores mulheres do seculo passado pela sua simplicidade e clareza que vemos o mundo melhor Com provoca es ao poder e aos seus tent culos no mundo, ela consegue p lo abaixo daquilo que importante A alegria, a verdade e a simplicidade.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *